UM LIVRO SOBRE AS ORIGENS DA PIXAÇÃO NO RIO DE JANEIRO

A singular estética da pixação carioca pela primeira vez documentada. Inscrições do final dos anos 1970, anos 1980 e início dos anos 1990. Conteúdo inédito. Brasil. Livro sobre as origens da pixação na cidade do Rio de Janeiro.

Capa Livro Xarpi - Um Registro Sobre a Pixação no Rio de Janeiro

Contracapa Livro Xarpi - Um Registro Sobre a Pixação no Rio de Janeiro

Página dupla que contempla diversas fotos de pichações. Conteúdo inédito do livro Xarpi - Livro Sobre a Pichação no Rio de Janeiro.

Capa Livro Xarpi - Um Registro Sobre a Pixação no Rio de Janeiro

1/6
XARPI - UM REGISTRO SOBRE A PIXAÇÃO NO RIO DE JANEIRO
RAIO.png
011-view copy.png

FRETE GRÁTIS

CONTEÚDO

NUNCA ANTES

DOCUMENTADO

013-camera copy.png

MAIS DE 1.350 FOTOS

160 PÁGINAS

COLORIDO

019-paper size.png

FORMATO 21 x 26 CM

TIRAGEM

LIMITADA

010-letters copy.png

CRONOLOGIA

NOMES

SIGLAS

VICE.jpg

VICE

"Xarpi", um registro histórico das pixações cariocas.

O singular estilo carioca de pixo do final dos anos 70 até os anos 90 finalmente documentado.

BSIDE.jpg

BESIDE COLORS

De “Celacanto provoca maremoto” até os tempos áureos do xarpi, o livro conta em ordem cronológica como o movimento se desenvolveu e cresceu na cidade carioca.

REVIEW.jpg

GRAFFITI REVIEW

An unusual book from Brazil titled XARPI which focuses on the unique tagging culture of Rio de Janeiro. The book’s author has produced a brilliant typology of xarpi, the variant of pixação found in his native city. 

GLOBO.jpg

JORNAL O GLOBO

Enquanto fala, Marcelo D2 folheia o livro “Xarpi: um registro sobre a pixação no Rio de Janeiro”. E se depara com a foto de uma pichação feita por ele próprio, na Tijuca, em 1984: um "Zic"(Imitação da assinaura do Zico sem o O, eu era louco pelo Zico".

– Dez anos antes de

Marcelo D2 eu já fazia estrago – Ele diz.